A Agência Nacional de Segurança (NSA, na sigla em inglês) dos Estados Unidos espionou os últimos três presidentes da França, de acordo com documentos publicados pelo site WikiLeaks. Os documentos foram divulgados pelo jornal francês Liberation e pelo site investigativo Mediapart, nesta terça-feira.

Não há ainda uma confirmação oficial da veracidade dos documentos divulgados. Um porta-voz do WikiLeaks, Kristinn Hrafnsson, disse estar confiante de que os documentos eram autênticos, notando que vazamentos anteriores do WikiLeaks mostraram-se verdadeiros.

Não houve um comentário imediato da Casa Branca nem dos escritórios do presidente francês, François Hollande, ou de seus predecessores, Nicolas Sarkozy e Jacques Chirac. Os três são apontados como alvo da espionagem. Hollande está no poder desde 2012, Sarkozy governou de 2007 a 2012 e Chirac, de 1995 a 2007.

Os aliados europeus dos Estados Unidos mostraram-se indignados, após revelações anteriores de Edward Snowden sobre a abrangência da espionagem da NSA contra líderes de outros países. Fonte: Associated Press.