O secretário de Estado norte-americano, John Kerry, lamentou neste sábado (5) que as paralisações do governo tenham comprometido as atividades dos Estados Unidos no exterior, mas afirmou que são temporárias e não prejudicarão os compromissos no longo prazo.

"Para todos os nossos amigos e inimigos assistindo em todo o mundo, deixe-me ser claro: não confunda isso...como nada mais que um momento de política", disse ele durante coletiva de imprensa em Bali, ma Indonésia. "Nada diminuirá nosso compromisso com a Ásia", acrescentou.

Ontem, o presidente Barack Obama cancelou sua viagem para o encontro anual da Cooperação Econômica da Ásia-Pacífico, que reunirá as 21 economias da região, devido às paralisações do governo em seu país.

Segundo Kerry, este é um momento "lamentável" e de "idiotice política", mas os compromissos de segurança marítima e as negociações comerciais na região estão intactas. "Eu não encontrei um líder aqui que tenha me questionado sobre o compromisso de longo prazo dos Estados Unidos", afirmou o secretário de Estado, acrescentando que o cancelamento da ida de Obama à Ásia não deve ser visto como falta de comprometimento. "Não há um líder aqui que não tomaria a mesma decisão", disse ele. Fonte: Dow Jones Newswires.