Ex-oficial do governo chinês é condenado à prisão perpétua

Agência Estado
10/12/2014 às 08:33.
Atualizado em 18/11/2021 às 05:19

O ex-vice-presidente da Comissão Nacional para Desenvolvimento e Reforma da China, Liu Tienan, foi condenado à prisão perpétua, informou a agência oficial de notícias Xinhua nesta quarta-feira.

Tienan, que também foi presidente da Administração Nacional de Energia da China, foi indiciado por acusações de propina e corrupção em junho e foi expulso do Partido Comunista no ano passado.

Segundo a Xinhua, o ex-oficial do governo chinês não estava disponível para comentar o assunto. Tienan é um dos funcionários de mais alto escalão condenado à prisão sob a campanha anticorrupção do presidente Xi Jinping. Fonte: Dow Jones Newswires.
http://www.estadao.com.br

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por