O governador Fernando Pimentel (PT) participou na última terça-feira (10) da cerimônia de posse da nova diretoria da Associação dos Municípios da Região Metropolitana de Belo Horizonte (Granbel), na Cidade Administrativa. O novo presidente da Granbel, o prefeito de Vespasiano, Carlos Loura Murta (PMDB), afirmou que vai cobrar do Estado soluções para os problemas financeiros, de segurança pública, transporte coletivo e saúde nos municípios.

“Os municípios estão passando dificuldades. A saúde, por exemplo, é um drama que não sabemos como solucionar. Estamos enfrentando ordens judiciais, os prefeitos estão sujeitos a prisão por descumprimento de decisões judiciais para internação, por falta de hospitais e de leitos nas nossas cidades”, destacou.

Pimentel disse que os problemas serão solucionados após diálogo com os prefeitos dos municípios da Região Metropolitana. “Já fui prefeito de Belo Horizonte e sei das dificuldades que encontramos ao enfrentar uma administração municipal. Estou aqui como governador de Estado, como parceiro dos prefeitos. Não há outra maneira de governar que não seja assim, se aproximando dos agentes políticos municipais para achar boas soluções para os problemas que afligem os nossos cidadãos”, ressaltou.

Ainda em seu discurso, o governador voltou a falar sobre a situação fiscal e administrativa que encontrou no Estado. “Sempre falamos das dificuldades e é natural que seja assim. Quando assumimos o governo, há pouco mais de dois meses, vimos que o quadro não é de facilidade, de fato. Não é só uma questão financeira, o Estado tem problemas muito graves de gestão que nós vamos tentar equacionar. Mas, tenho absoluta certeza de que tudo isso, devidamente mostrado para o cidadão, com transparência, com sinceridade, será compreendido. Quando o governante fala com o povo, tem que mostrar a realidade do Estado, assim as pessoas entendem e ajudam a resolver os problemas”, afirmou.