Uma mulher foragida da Justiça foi presa na tarde desta sexta-feira (11) no Aglomerado da Serra, região Centro-Sul da capital mineira, em cumprimento a um mandado de prisão. Denise Aparecida Dias da Silva, de 44 anos, foi condenada em abril de 2012 a seis anos e sete meses por roubo, mas nunca chegou a ser detida. 
 
Segundo a Polícia Militar (PM), ela é suspeita de incitar moradores do bairro contra os militares durante uma incursão da PM que terminou com a morte de um morador em novembro de 2012. Denise Aparecida seria a mulher que tirou as roupas em um protesto contra a a ação no Aglomerado da Serra.
 
Ainda segundo a PM, a mulher teria envolvimento com outras atividades criminosas e já teve passagens pela polícia por roubos e desacato à autoridade. Denise Aparecida foi encaminhada para a 3ª Delegacia Sul, no bairro Sion, na mesma região.