No trajeto de papamóvel entre os fortes de Copacabana e do Leme, previsto para ter início às 18 horas desta quinta-feira (25), está programada uma parada na altura da avenida República do Peru, onde o papa Francisco abençoará uma estátua e receberá a réplica de uma imagem que será oferecida por fiéis da Paróquia Nossa Senhora de Copacabana.

"Em uma das reuniões comunitárias, moradores sugeriram que fizéssemos uma estátua para deixar um marco da visita do papa, e que fosse um reconhecimento da passagem de Sua Santidade pelo Rio", disse Horácio Magalhães, presidente da Sociedade Amigos de Copacabana.

A estátua, feita em metal pela artista plástica Marli Mazeredo, moradora do bairro, mede 2,3 metros de altura e remonta a São Francisco de Assis, em quem o papa Francisco se inspira. A estátua será instalada em definitivo na semana que vem na Praça do Lido, em Copacabana. Marli também é a artista que criou o brasão papal que permanece exposto na Catedral Metropolitana, no Centro do Rio.

A réplica da imagem de Nossa Senhora de Copacabana será entregue por dom Nelson Francelino, pároco da igreja de mesmo nome e bispo auxiliar do Rio. Atrás da imagem, foram colocados os nomes de 60 crianças, entre 4 e 6 anos, que são atendidas e frequentam a paróquia. "Será como um pedido de proteção de Maria para essa nova geração", disse padre Anísio, vigário da Igreja Nossa Senhora de Copacabana.