Pode parecer senso comum ou clichê, mas não há como negar que a escola de design italiana é algo fascinante. E quem quiser ver com os próprios olhos a pluralidade estética dos descendentes de Michelangelo não precisa atravessar o Atlântico, basta dar um pulo na Praça da Liberdade. A Casa Fiat de Cultura abriu a exposição “Beleza em Movimento”, que vai até 3 de novembro, com entrada franca. A mostra reúne ícones do design automotivo, com criações dos principais estúdios italianos. É possível contemplar modelos raros como Lamborghini Miura, assinado por Marcello Gandini, assim como a extravagante Ferrari Testarrosa, de Pininfarina, e até mesmo um DeLorean DMC12, que apesar de ser um carro norte-americano, teve suas linhas futuristas riscadas pelo designer Giorgetto Giugiaro. A mostra também exibe criações prata da casa, como o conceito Fastback, que é um SUV com jeitão de Toro e que servirá de base para o futuro utilitário italiano. Dá um pulo lá porque vale a pena.

GM reajusta preços na Argentina
A acelerada desvalorização do peso argentino levou a General Motors a reajustar os preços de boa parte de seus modelos vendidos no país de Maradona. Segundo o jornal La Nacion, a GM aplicou reajuste de 23% sobre todos os modelos vendidos no país, com exceção de Cruze, Tracker e da picape S10, que ainda podem ficar mais caros na próxima semana. A gigante de Detroit afirma que a medida foi necessária para não ter que suspender as operações no país, e que mesmo que o encarecimento seja agressivo, ainda é mais baixo que os 30% de perda da moeda.

Singela homenagem
Entre os mais exóticos da indústria norte-americana, a dupla Charger Daytona e Plymouth Superbird. Criada no fim dos anos 1960 como versões aerodinâmicas dos primos Charger e Road Runner, contavam com o chamado “shark nose” (focinho de tubarão) e um imenso aerofólio. Detalhe: a asa não podia ser afixada no porta-malas, pois a pressão negativa iria deformar a tampa e, como era montada na carroceria, tinha que ser alta para permitir a abertura do bagageiro. Agora, a Dodge lança versão do Charger SRT Hellcat, que remete ao ancestral, sem bico e asa.

Polestar 1 em Need For Speed
O Polestar 1, o cupê elétrico da Volvo, será o “carro chefe” de “Need for Speed Heat”, que chega em 8 de novembro. Sensação do Salão de Genebra de 2018, ele combina dois motores elétricos com um 2.0 turbo, que somam 600 cv. Apesar de confirmado, sua estreia ainda não tem data determinada. Segundo pessoal da Volvo, a marca tem tratado o início das vendas com discrição. Mas a inclusão dele no game indica que sua estreia está bem próxima. E uma das razões é que a série da EA tem se tornado vitrine de lançamento de novos modelos como o BMW M5.