Uma das principais atrações da BMW no Salão do Automóvel de São Paulo de 2018, o roadster Z4 acaba de entrar em pré-venda. Em princípio o conversível será vendido na versão sDrive30i M Sport, por R$ 309.950. Importado da Áustria, o modelo é equipado com motor turbo 2.0 de 258 cv e 40 mkgf de torque que dão ao modelo um comportamento bastante arisco e uma aceleração de 0 a 100 km/h em 5,4 segundos. De acordo com a BMW, o Z4 começa a ser entregue no próximo trimestre. 

O novo Z4 é o quinto modelo da linhagem de roadsters que teve início em 1989 com o exótico Z1. Depois veio o Z3, em 1995, com direito a participação no longa-metragem “007 Contra Goldeneye”. Em 2002 a geração E85 assumiu o nome de Z4, mantido nas duas gerações seguintes. Outra curiosidade é que o novo Z4 compartilha plataforma e conjunto mecânico com o Toyota Supra. O esportivo japonês acaba de retornar ao mercado depois de um jejum de 17 anos.

Teste drive especial 
Quem visitar a concessionária Recreio hoje receberá atendimento mais que especial. A partir das 11h, o Instituto Mano Down participará do lançamento do T-Cross. Jovens e adultos com síndrome de Down vão trabalhar como recepcionistas e garçons no evento. Haverá também atrações culturais. Ao longo da semana, a Recreio promoverá teste drive solidário do T-Cross, ação que convida os participantes a fazer doações para os programas de desenvolvimento realizados pelo instituto.

MANO DOWN RECREIO

 

Harley-Davidson
A Harley-Davidson confirma presença no Salão Moto Brasil 2019 (SMB), que será realizado de 30 de maio a 2 de junho no Parque Olímpico, na zona oeste do Rio de Janeiro. No estande de mais de 250 m², a Harley vai expor a linha 2019. E dois modelos prometem ter atenção especial: a softail FXDR com o motorzão Milwaukee-Eight 114 de 16,11 kgfm de torque, e a cruiser Sport Glide, estradeira equipada com o Milwaukee-Eight 107 de 14,9 kgfm e carenagem e alforjes removíveis. Hasta la vista, baby!

30 milhões
A Volkswagen divulgou há pouco que chegou à marca de 30 milhões de unidades fabricadas do Passat. Números que superam, por exemplo, as vendas do Fusca em todos os anos de atividade. O Passat chegou ao mercado em 1973, desembarcou no Brasil pouco depois e foi fabricado até 1988 com a mesma carroceria. O modelo retornou ao mercado brasileiro no início dos anos 1990, logo após a abertura das importações. Atualmente é vendido na versão Highline 2.0, partindo dos R$ 165 mil.