Quem acompanha o HD AUTO deve ter lido na semana passada como o varejo de automóveis novos foi impactado pela pandemia do coronavírus Covid-19. Uma das razões é a falta de plataformas de vendas on-line, uma vez que o negócio de carro segue tão analógico como a extinta caderneta da mercearia da esquina, que vendia feijão a granel. A Renault foi pioneira em vender carros no modelo de e-commerce, a Ford lançou um serviço de moldes semelhantes e agora a GM se adequa para vender seus carros de forma remota e entregá-los na casa do cliente.

Batizado de Operação Virtual Chevrolet, o serviço utiliza a página de unidades em oferta da marca. Nele, o cliente escolhe o modelo, seleciona a concessionária e sua preferência para finalizar a compra. Todo trâmite é conduzido pela revenda, inclusive a avaliação virtual do modelo usado, caso entre como parte do pagamento. 

Da mesma forma que a Ford, a GM também garante a entrega do carro na casa do comprador. Dependendo da localidade, até mesmo a unidade para test drive é levada até o endereço do cliente para que ele possa se certificar sobre o modelo antes de bater o martelo. De acordo com a fabricante, todo processo do teste e entrega do automóvel atender aos protocolos de higienização recomendados pelas entidades sanitárias.

"A transação da compra de um carro caminha para ser totalmente digital e, ter a possibilidade de viabilizar um financiamento de forma online é outro tremendo passo. Em tempos de pandemia, a Operação Virtual Chevrolet oferece uma opção segura aos nossos consumidores e colaboradores", prevê o diretor executivo de Marketing da GM América do Sul, Hermann Mahnke.

Processo de compra
No site da Chevrolet, o consumidor deve ir na aba Ofertas Chevrolet, onde há a lista de modelos disponíveis. Nesse ambiente é possível conferir detalhes do carro, ficha técnica, conteúdos e formas de pagamento. No passo seguinte, o consumidor preenche um questionário com seus dados pessoais e seleciona o meio de contato, em que o consultor de vendas irá dar prosseguimento na negociação.

Webmotors
A plataforma de classificados Webmotors também passa a incluir serviço de delivery. No entanto, trata-se de uma funcionalidade do anunciante do site, que se disponibilizar levar o automóvel até a casa do consumidor. No entanto, como se trata de modelos seminovos e usados, vale a pena a avaliação de um especialista, para atestar o negócio.