A crise econômica instalada no país não atingiu a terceira maior empresa de medicina diagnóstica brasileira, o Grupo Pardini, dono dos laboratórios Hermes Pardini. Com um plano de expansão nacional em andamento, o grupo mineiro se prepara para faturar esse ano R$1 bilhão. Será a primeira vez que baterá na casa do bilhão.

No primeiro quadrimestre de 2016 cresceu 23% em relação ao mesmo período de 2015. “A estratégia nacional do Grupo Pardini é estar em mercados relevantes, principalmente nas grandes regiões metropolitanas. A intenção é, nos próximos anos, expandir a atuação para as regiões Sul, Norte e Nordeste”, destaca o diretor-presidente Roberto Santoro.

O plano de expansão do Hermes Pardini teve início em 2011 com a venda de 30% do capital para a Gávea Investimentos, mantendo 70% da participação com a família Pardini. Desde então, o Grupo Pardini tem investido em aquisições de empresas. A primeira foi a Digimagem, em 2012, em São Paulo. 

Em seguida, foi concretizada a compra do Proge-nética, no Rio de Janeiro, laboratório referência em genômica e oncogenética. 

O Grupo também realizou uma joint venture com a CEMEDI, clínica especializada em imagem, de Sete Lagoas (MG). A aquisição do laboratório Padrão – maior rede de análises clínicas de Goiás – ocorreu em 2013, ano em que o Hermes Pardini cresceu também na área de exames especializados, com a aquisição da Diagnóstika, em São Paulo.<EM>

Segundo Alessandro Ferreira, diretor comercial corporativo, no que diz respeito a faturamento, o Grupo Pardini só fica atrás das empresas de medicina diag-nósticas Dasa e Fleury. “Mas quando falamos em exames processados em um único núcleo técnico operacional, o Pardini é o maior do Brasil e está entre os maiores do mundo. Esse núcleo fica em Vespasiano e, apenas no último mês, processou 6,5 milhões de exames”.

A holding se prepara para inaugurar, em Vespasiano, a primeira unidade de Medicina de Precisão do Brasil. Por meio de análises genômicas será possível oferecer atendimento personalizado nas áreas de oncologia, neurologia e cardiologia.