Ao menos doze pessoas morreram e 35 ficaram feridas após um homem atear fogo a um estúdio de animação em Quioto, na região central do Japão, nesta quinta-feira, (18). Outras 18 pessoas que trabalhavam no local permanecem desaparecidas, e diversos feridos estão em situação crítica, informaram autoridades locais.

O homem que jogou um líquido inflamável e iniciou o incêndio no prédio de três andares que abrigava o estúdio Kyoto Animation também ficou ferido e está sob custódia policial em um hospital da cidade. A identidade dele não foi revelada, e não há informações sobre o que o teria motivado.

Leia mais:
Sorteio coloca Coreias no mesmo grupo das Eliminatórias Asiáticas
Escritor italiano Andrea Camilleri morre aos 93 anos