A conectividade dos automóveis se tornou uma realidade no mercado brasileiro. Marcas como Volkswagen, Jeep, Ford, Fiat, Mercedes-Benz, BMW e Chevrolet já oferecem sistemas capazes de conectar o automóvel ao dispositivo móvel e também a web. Carros conectados permitem não apenas navegar com atualização em tempo real, mas ter acesso a serviços variados, assim como diagnósticos e sistemas de segurança. 

E seguindo essa toada, a Hyundai lança no Brasil o sistema Bluelink, que transforma seus modelos em carros inteligentes. Trata-se de um conteúdo que ela já oferece lá fora. O sistema foi implementado com a Vivo, que ficou a cargo do tráfego de dados de telemetria do sistema. Mas, ao contrário de demais serviços que oferecem roteador WiFi, a Hyundai afirma que não terá a funcionalidade, para dar prioridade aos sistemas de segurança e assistência, além de adicionar a cobrança de um pacote de dados.

Popular

O diferencial é que ele chega não nos modelos de maior valor agregado, mas no HB20, que se posiciona no segmento de compactos. Com mensalidade de R$ 29,90, a marca oferece seis meses de uso gratuito.

A explicação da marca é tornar a tecnologia democrática, mas que estará em toda gama HMB em breve. Mas fato é que a Hyundai conta com uma gama enxuta. Além do HB20, ela fabrica o Creta, este que está em processo de reformulação. Daí seria “salgar carne podre” instalar na geração em fim de linha. Ou seja, vai estrear no SUV junto com a atualização.

Apólice

O sistema oferece rastreamento, restrições de uso, alertas de furto, assim como alertas de circulação fora do raio determinado, assim como horários e velocidade. Ou seja, o proprietário pode controlar o uso do carro quando ele estiver com terceiros.

A Hyundai aponta que os carros com Bluelink ativo terão desconto na cobertura de seguro da Liberty para furto e roubo em 20%. Segundo a sul-coreana, o desconto total pode variar entre 10 e 15%. O Bluelink também permite ativar pisca alerta, alarme e destravar as portas. O sistema permite monitorar diferentes parâmetros pelo smartphone.

A parte chata é que quem já tem um HB20 não poderá instalar o sistema. Segundo a Hyundai, o Bluelink demanda a inclusão de diversas peças, o que tornaria impossível uma instalação posterior à fabricação</CW>.

O Bluelink será oferecido como item de série nas versões Sport e Diamond do HB20. Mas também poderá ser adquirido como opcional nas versões Evolution e Vision, ao custo de R$ 1.400.

VW Play

A Volkswagen passa a oferecer a central multimídia inteligente VW Play para os modelos Polo e Virtus. Mas o equipamento está disponível apenas nas versões Comfortline, Highline e GTS. As opções de entrada não terão o equipamento.

O sistema permite download de aplicativos como iFood, Estapar, Waze e Spotify, assim como oferece conectividade com smartphone, via Android Auto e Apple CarPlay. O VW Play ainda conta com armazenamento de 10GB, assim como TV digital. O que ele não oferece é conexão nativa a web, que VW entende como um gasto extra, já que o smartphone já oferece acesso web. Os preços do Polo com VW Play partem de R$ 91.720 e o Virtus inicia em R$ 96 mil.

Leia Mais:
Ride with queen: conheça o Bentley da rainha Elizabeth II
Fiat Toro acompanha banho de loja do primo Compass com motor turbo e conectividade
Renault atualiza elétrico Zoe, que ganhou baterias mais potentes