Candidato à Prefeitura de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PHS) disse ontem que é contra desapropriar as ocupações da região do Isidora, na zona Norte da capital. A afirmação foi feita em reunião aberta com o padre Pier Luigi Bernareggi, conhecido como padre Piggi, no bairro Providência.

“É uma área muito sensível. Estamos falando de quase 8 mil famílias que a ocupam. Um apartamento de 36 metros quadrados não atende esse pessoal. Eles não precisam de uma construtora, precisam de um pedaço de terra”, disse.

Além do Isidora, Kalil afirmou que, das 76 mil famílias em moradias irregulares na cidade, pretende regularizar a situação daquelas que não estejam em áreas de risco. Essas últimas, segundo ele, representam cerca de 20% do total. 

No entanto, o candidato ponderou que não permitirá que novas áreas sejam ocupadas na cidade e que a solução da questão da habitação passa por auxílio financeiro do governo federal.

Com relação à polêmica sobre o apoio do PCdoB no segundo turno, o cartola voltou atrás e afirmou não ser contra alianças, desde que elas não signifiquem rótulos. 

“Não quero virar ‘fora, isso’, ‘fora, aquilo’, colar estrela no peito. Não adianta querer colar a politicagem que eles aplicam em mim”, disse.

João Leite
Amarra – João Leite fala na Santa Casa: o candidato defendeu a vinculação do orçamento na área da saúde

João Leite

Em meio ao ajuste fiscal e à PEC 241, que limita os investimentos da União, o tucano João Leite defendeu a manutenção de 25% do orçamento municipal na saúde. “Vamos colocar os 25% na saúde, mas também vamos cobrar dos governos federal e estadual. Apesar da crise, aumentaram os repasses de impostos federais para o Estado”, disse.

As afirmações foram feitas durante encontro com funcionários da Santa Casa. Além de conversar com o superintendente, Porfírio Andrade, o tucano respondeu a perguntas de funcionários.

João Leite se comprometeu a apoiar o hospital para que se transforme em universidade. “Tenho o compromisso com a Santa Casa de transformá-la numa escola permanente”, disse.

PSB libera filiados

Partido do prefeito Marcio Lacerda, o PSB liberou ontem o posicionamento dos filiados no segundo turno. A decisão foi tomada pelo diretório municipal após consulta às direções estadual e federal, diz o partido em nota.