Lapas acredita que ataques podem ser 'uma espécie de revide'

Estadão Conteúdo
14/08/2015 às 14:15.
Atualizado em 17/11/2021 às 01:21

O prefeito de Osasco, Jorge Lapas, disse nesta sexta-feira (14), em entrevista à Rádio Estadão, que não sabe o que originou os ataques ocorridos na noite de ontem em Osasco e Barueri, mas acredita que podem ser "uma espécie de revide" e se preocupa com o que virá depois. "Começa uma guerra e a gente não sabe onde vai parar. Estamos muito preocupados."

Dezenove pessoas morreram e sete ficaram feridas nos atos que ocorreram entre 21h e 23h, em Osasco, Barueri e Itapevi, segundo informações da Secretaria de Segurança Pública de São Paulo.

O prefeito disse ainda que a cidade não tinha problemas como esse há muito tempo. "E não queremos que volte a ter. É uma situação totalmente anormal."

Suspeitas

Na última sexta-feira, um cabo da policia militar à paisana foi assassinado em um posto de gasolina na Avenida dos Autonomistas após ser abordado por dois homens armados. Nesta quarta-feira, 12, um integrante da Guarda Civil Municipal de Barueri morreu durante um assalto a uma adega no bairro Jardim Paulista, do qual ele era dono. A polícia suspeita que os ataques tenham relação com a morte desses agentes.
http://www.estadao.com.br

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por