A Libéria está investigando como ocorreu a infecção no paciente mais recente de Ebola, depois de semanas sem casos da doença no país.

O país do Oeste Africano teve a maior parte das mortes no surto de Ebola do mundo, que já tirou a vida de mais de 10 mil pessoas. Mas desde que liberou o último paciente em 5 de março, o governo já contava os 42 dias para poder declarar que estava livre da doença.

Mas, na sexta-feira (20), autoridades disseram que havia um novo paciente. Em um sinal preocupante, o caso não parece estar relacionado com qualquer uma das pessoas na lista de contatos com Ebola. Além disso, a paciente não viajou recentemente para os países infectados, de Serra Leoa e Guiné.

Os oficiais estão reunidos neste sábado para discutir o novo caso e como a paciente foi infectada. Fonte: Associated Press.