A maioria dos brasileiros é a favor da obrigatoriedade da vacina contra o novo coronavírus assim que a dose estiver disponível. A constatação está em um levantamento do Instituto Paraná Pesquisas, divulgado nesta terça-feira (15).

Segundo a pesquisa, realizada nos 26 Estados e Distrito Federal, 55,2% dos brasileiros são a favor da obrigatoriedade. Já 38,6% dos entrevistados são contra, e 6,2% não sabem ou não opinaram.

Dentre os que concordam com a vacinação compulsória, a maioria é formada por homens: 56,8% contra 53,7% das mulheres. 

Jovens dos 16 aos 24 anos foram os que mais concordaram com a exigência da imunização, com  61,5%. O menor índice é entre as pessoas de 45 a 59 anos (53,3%). 

Escolaridade 

A maior parte que se mostrou a favor tem o Ensino Fundamental completo (57,5%), seguido do Ensino Médio (55,%). Além disso, são pessoas do Sul (57,4%) e Sudeste (55,1%) do país.

Sem obrigatoriedade

O instituto também perguntou aos entrevistados se, caso a dose não seja obrigatória, irão tomar a vacina? Segundo o levantamento, 61,2% disseram que sim. Outros 26,9% responderam que “depende de qual país o imunizante será importado”. Apenas 8,7% disseram que não. Outros 3,2% não sabiam ou não opinaram. 

Leia também:
PF investiga fraudes em certificados de fiscais e gestores do Ibama
Eleições 2020: alimentação para mesários será de até R$ 40
Ensino médio tem maior salto de qualidade desde 2005