A Marinha do Brasil informou hoje (4) que os militares que compõem a Força Tarefa Marítima da corporação, em Beirute, estão bem e não foram atingidos pela grande explosão ocorrida na região portuária da capital do Líbano, há algumas horas, bem como o contingente brasileiro baseado na cidade de Naqoura, ao sul do Líbano.

"Fragata Independência encontrava-se patrulhando a região conhecida como 'Área de Operações Marítima' da Força Interina das Nações Unidas no Líbano (UNIFIL), a uma distância de aproximadamente 15 km do Porto de Beirute", informou o Centro de Comunicação Social da Marinha, em nota à imprensa.

A Marinha informou que acompanha os desdobramentos da explosão.  

A explosão ocorreu na região portuária de Beirute, onde existem armazéns que abrigam explosivos, informou a agência Reuters. Pelo menos dez mortes já foram confirmadas pelas autoridades locais. 

Usuários do Twitter postaram vídeos sobre o incidente. Veja:

Leia mais:
Explosões atingem área portuária de Beirute, no Líbano; veja imagens