Motoristas tentam garantir os últimos litros de combustível em BH

Carolina Fernandes
cfernandes@hojeemdia.com.br
26/05/2018 às 12:15.
Atualizado em 03/11/2021 às 03:17
 (Lucas Prates)

(Lucas Prates)

Com mais de 90% dos postos de Belo Horizonte sem combustível, o produto virou "ouro" nos poucos locais que ainda o têm. Na avenida José Cleto, no bairro Palmares, região Nordeste da capital, a fila é quilométrica.

O taxista Helder Lúcio de Oliveira está na fila há mais de seis horas. "Eu cheguei antes das seis da manhã e consegui apenas um galão de 10L. Estou tentando abastecer meu carro", conta.Lucas Prates/Hoje em Dia / N/A

O taxista Helder está na fila desde antes das seis horas da manhã deste sábado.

Nesse estabelecimento, há três filas diferentes: uma para quem vai abastecer motos, outra para carros e a terceira para quem está com o galão. De acordo com um frentista, não há restrição de quantidade para quem está de moto e carro. Então, os motoristas podem encher o tanque. No entanto, há o limite de 10L para quem está com o galão.

O motivo de ainda ter combustível não foi esclarecido. O que se sabe é que ele tinha sido fechado na última semana e reaberto nessa sexta-feira (25).

De acordo com o Sindicato dos Transportadores de Combustíveis e Derivados de Petróleo do Estado de Minas Gerais (Sindtanque), os caminhoneiros continuam com os braços cruzados pelo sexto dia e não há abastecimento nos postos de gasolina.

Leia mais:
Rodovias ainda têm 387 pontos com bloqueios; 132 locais foram liberados

 

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por