Motorola aposta na resistência anormal do Moto X Force

Paulo Leonardo - Hoje em Dia
20/12/2015 às 07:52.
Atualizado em 17/11/2021 às 03:24
 (Divulgação)

(Divulgação)

Por R$ 3.145, ninguém espera por algo menos do que um “top de linha”. E o Moto X Force se encaixa nesta concorrida e prestigiada faixa de mercado dos smartphones. Com especificações potentes, como o processador Snapdragon 810, o X Force tem na tela, no entanto, seu maior trunfo. A tecnologia Moto ShatterShield a transformou, em tese, na primeira tela do mundo à prova de trincas ou estilhaçamento.

Não é que o Moto X Force tenha uma tela indestrutível. Se abusar, ela vai se quebrar, sim. Mas realmente a resistência é bem acima da média. Ela é composta por cinco camadas. A primeira é a lente externa: uma camada protetora, com revestimento resistente. A segunda camada é a lente integrada: uma lente projetada para ser mais flexível que o vidro, mas que mantém alto índice de transparência, o que proporciona nitidez e clareza dignas de elogios.

A terceira camada é, na verdade, uma camada dupla, sensível ao toque. Na quarta camada vem a tela de Amoled, com boa capacidade para absorver impactos. Por fim, a quinta camada, um chassi de alumínio, suporta as demais.

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por