Ao menos 16 pessoas morreram nesta sexta-feira (4) em um ataque com coquetel molotov contra uma discoteca do Cairo, informou a polícia.

Outras cinco pessoas ficaram feridas no ataque, ocorrido no bairro de Agouza, no centro da capital egípcia, acrescentou a fonte, sem dar maiores detalhes.

Segundo a mesma fonte, os agressores fugiram e polícia iniciou a perseguição.

O ataque provocou um importante incêndio na discoteca.

Um funcionário da segurança falou da briga entre empregados do local e de um grupo de jovens fregueses como a possível origem do ataque.

O Egito é golpeado pela violência de grupos extremistas, mas os ataques geralmente são dirigidos contra as forças de segurança.