Os 20 cartazes, 12 para a Olimpíada e 8 para a Paralimpíada, foram mostrados à imprensa no Museu de Arte Contemporânea de Tóquio nessa segunda-feira (6). As criações são de autoria de artistas japoneses e do exterior.

Um pôster olímpico do cartunista Naoki Urasawa retrata a empolgação de um atleta antes da competição, em uma arte que usa estilo de mangá.

Tomoyuki Shinki, um artista com deficiência intelectual, fez um cartaz para a Paralimpíada que retrata jogadores de basquete competindo em cadeiras de rodas.

A exibição das obras será feita a partir desta terça-feira (7) até o dia 16 de fevereiro, no mesmo museu onde foram anunciadas.

Funcionários do comitê organizador de Tóquio dizem que o Comitê Olímpico Internacional e o Comitê Paralímpico Internacional vão, cada um, escolher um cartaz como obra que vai representar os respectivos jogos.


Leia mais:
Brasil encerra 2019 com 152 vagas carimbadas para Tóquio 2020
Copa do Mundo na França alça futebol feminino a outro patamar
Surfe: Gabriel Medina e Ítalo Ferreira se classificam para Tóquio 2020