As autoridades do Equador disseram que pelo menos 200 pessoas foram retiradas das proximidades do vulcão Tungurahua, após ter expelido uma fumaça de poeira de mais de cinco quilômetros no ar.

A diretora regional da Secretaria Nacional de Administração de Risco, Lourdes Mayorga, disse que explosões produziram a poeira e os fluxos piroclásticos (de cinzas e pedras) e que podiam ser sentidos a centenas de quilômetros.

Segundo a especialista, pelo menos 200 pessoas foram retiradas das regiões de Cusua, Chacauco e Juive, próximas ao vulcão. As autoridades declararam alerta laranja, o qual permite a aquisição de bens necessários para prestar socorro e os preparativos para prestação de ajuda humanitária se necessário.

O vulcão Tungurahua está ativo há mais de 13 anos e fica localizado a cerca de 135 quilômetros ao sul de Quito, capital do Equador. Fonte: Associated Press.