MOSCOU - Meios de comunicação e internautas russos colocaram em dúvida que o presidente Vladimir Putin tenha pescado um peixe de 21 quilos durante o fim de semana de 20 e 21 de julho, conforme indicaram fontes oficiais.

"O peixe pique da foto pesa entre 10 e 12 quilos. Qualquer pescador honrado irá dizer isso", escreveu o internauta Oleg no site do jornal Moskovsky Komsomolets.

Em um país onde o esporte nacional é a pesca, vários internautas duvidam que o animal pescado pese 21 quilos, com base em seu tamanho. Alguns deles divulgaram imagens de piques de tamanhos diferentes comparando com seus respectivos pesos.

O blogueiro Andrei Malguin, na plataforma LiveJournal, também duvida da data da pesca, que teria acontecido em Tuva, região da Sibéria perto da fronteira com a Mongólia, durante o fim de semana de 20 e 21 de julho, de acordo com o Kremlin.

"É uma história estranha", afirma o blogueiro, destacando que em julho não foram relatadas viagens do presidente para a região, que está a milhares de quilômetros de Moscou.

Para Malguin, as imagens mostram o presidente com as mesmas calças e óculos de sol em fotos anteriores datadas de 2007 ou 2009.

As primeiras imagens de Putin em Tuva foram exibidas pela televisão na sexta-feira. Elas mostram o presidente russo segurando um pique impressionante respondendo a uma outra pessoa que avisa que o peixe pode mordê-lo: "Eu é que vou mordê-lo".

O site do Kremlin publicou cerca de sessenta fotos e vídeos deste fim de semana de pesca. Putin estava acompanhado do primeiro-ministro Dmitry Medvedev e do ministro da Defesa, Sergei Shoigu, um nativo da região. O site oficial não fornece o peso exato de peixe ou a data exata em que ele foi pego.

"Eles concordaram com o peso do pique? Eles pesaram o potencial efeito da propaganda?", brincou o jornal de oposição Novaya Gazeta.

"Eu, pessoalmente, vi o peso e estava presente quando ele foi pesado. Pesava mais de 20 quilos de verdade", disse à imprensa russa o porta-voz de Putin, Dimitry Peskov, referindo-se ao pique.