O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou neste domingo, 10, no Twitter que houve um "golpe de Estado" na Bolívia.

Lula afirmou que o presidente Evo Morales foi obrigado a renunciar. O ex-presidente disse que é "lamentável" que a América Latina tenha uma elite econômica que "não saiba conviver com a democracia e com a inclusão social dos mais pobres".