A Rússia anunciou que pretende desenvolver até 2021 uma versão terrestre dos mísseis usados até agora pela Marinha.

A iniciativa anunciada pelo ministro de Defesa, Serguei Shoigu, foi divulgada dias após Washington e Moscou denunciarem o tratado sobe armas nucleares de médio alcance. "Até 2020 será necessário elaborar uma versão terrestre do sistema Kalibr", afirmou Shoigu. 

Leia mais:
Putin anuncia que Rússia seguirá EUA e abandonará acordo nuclear em seis meses
Ministro russo diz que novo míssil supersônico do país não pode ser abatido
Putin acompanha testes com míssil hipersônico Avangard