O líder supremo do Irã, aiatolá Ali Khamenei, afirmou nesta terça-feira que "não haverá conversas com os Estados Unidos em nenhum nível". A declaração aparentemente foi dada para acabar com todas as especulações sobre uma eventual reunião entre os dois presidentes dos países neste mês, quando ocorre a Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas.

A TV estatal iraniana mencionou a declaração de Khamenei, que já sofreu sanções pessoais dos EUA. Segundo ele, todas as autoridades iranianas concordam "de modo unânime" com a posição de não dialogar com os americanos.

Fonte: Associated Press.