Ondas gravitacionais previstas por Einstein são detectadas pela primeira vez

AFP
11/02/2016 às 14:45.
Atualizado em 16/11/2021 às 01:23
 (SXS team / Bohn et al 2015)

(SXS team / Bohn et al 2015)

Em um marco para a física e a astronomia, cientistas de vários países anunciaram nesta quinta-feira ter detectado de forma direta as ondas gravitacionais, ondulações do espaço-tempo que foram previstas por Albert Einstein há um século.

"Este passo marca o nascimento de um domínio inteiramente novo da astrofísica, comparável ao momento em que Galileu apontou pela primeira vez seu telescópio ao céu" no século XVII, disse France Cordova, diretora da Fundação Nacional Americana de Ciências (National Science Foundation), que financia o laboratório Ligo.

Dois buracos-negros se chocaram há 1,3 bilhão de anos. O cataclismo lançou estas ondas em todas as direções até que chegaram à Terra no dia 14 de setembro, onde foram captadas por instrumentos instalados nos Estados Unidos, informaram cientistas durante uma coletiva de imprensa em Washington.

A descoberta, que coroa esforços de décadas, confirma uma previsão feita por Albert Einstein em sua teoria geral da relatividade de 1915.

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por