Pelo menos 11 pessoas suspeitas de planejar um atentado terrorista com um veículo e armas de fogo foram detidas pela polícia alemã na sexta-feira (22), em Frankfurt.

Entre elas, estão um homem de 21 anos, de Offenbach, e dois irmãos de 31 anos, de Wiesbaden, que pertencem à corrente salafista do Islã, suspeitos de serem os cérebros da operação que buscava cometer um atentado.

"Para atingir esse objetivo, eles planejaram usar um carro e armas de fogo para matar tantos infieis quanto fosse possível", afirmou a procuradoria, em um comunicado.

Leia mais:

Aluna ferida em escola Raul Brasil, em Suzano, recebe alta médica
Autor de massacre na Nova Zelândia planejava terceiro ataque, diz polícia