O Papa Francisco promoveu a arcebispo de Diamantina um bispo brasileiro, três dias depois de seu famoso sermão em Aparecida, interior de São Paulo, no qual conclamou o povo a “pisar na cabeça da jararaca'' – numa clara alusão à metáfora usada pelo ex-presidente Lula. A informação é do blog Coluna Esplanada.

O nome do bispo auxiliar de Aparecida, Darci José Nicioli, já estava em avaliação no Vaticano, na mesa de sua Santidade, e pode ter sido uma coincidência a proximidade dos fatos.

Sermão

No sermão, o então bispo auxiliar pregou: “Peça, meu irmão e minha irmã, a graça de pisar a cabeça da serpente. De todas as víboras que existem e persistem em nossas vidas'' (..) “Daqueles que se autodenominam jararacas. Pisar a cabeça da serpente. Vencer o mal pelo bem, por Cristo nosso Senhor'', concluiu.

As declarações do religioso para um templo lotado ocorreram dois dias depois que Lula, em coletiva de imprensa, brincou ao dizer que erram ao tentar matar a "cobra", porque pisaram “no rabo da jararaca'', referindo-se ao seu caso policial-judicial.