A pastora Bianca Toledo voltou a comentar sobre os supostos abusos que o filho sofrido pelo também pastor Felipe Garcia Heinderich, que nega o crime. Na rede social Snapchat, a missionária disse que o menino, de 5 anos, está "feliz" e "aliviado" após as revelações. As informações são do jornal Extra. 

"Quanto ao meu filho, ele tá ótimo. Por isso que eu estou bem. Se ele estivesse mal, eu estaria um caco. Quem é mãe sabe disso... Ele é uma criança de cinco anos que não tem noção da gravidade do que aconteceu. E Deus nos tem dado sabedoria e apoio psicológico. Ele está tão feliz, tão aliviado de ter contado isso que ele estava carregando. E posso dizer que a alegria dele é a minha força. Ele está se sentindo leve", contou.

Ainda nos vídeos do Snap, a pastora rebateu as críticas que têm recebido na internet e reforçou que ela e o filho são as verdadeiras vítimas. "Eu tenho tentando me preservar esses dias para não machucar meu coração. As pessoas estão confusas e muitas pessoas são más. Eu não preciso provar nada para ninguém porque eu sou a vítima, meu filho é a vítima e as provas estão todas na delegacia"

Saiba mais:
Delegada que investiga caso do filho de Bianca Toledo afirma: 'não houve estupro, só indícios'
'Ninguém sequer me deu o benefício da dúvida', diz Felipe Heiderich sobre acusações de pedofilia
Pastor acusado de abusar do filho de Bianca comparava homossexualidade à raiva

Nesta semana, após deixar a prisão, o pastor Heinderich divulgou vídeo no Youtube em que se defende das acusações. "Eu sempre achei que todo mundo era inocente até que se provasse o contrário. Mas, o que eu vivi nesses últimos dias, semanas, é que todos são culpados até que se prove o contrário".