A data mais romântica do ano está se aproximando e os belo-horizontinos já estão indo às compras para garantir o presente do amado e fazer bonito no Dia dos Namorados. Uma pesquisa da Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte (CDL/BH) revelou como os moradores da capital pretendem presentear o parceiro.

Conforme o levantamento, 56,6% dos entrevistados vão apostar nas roupas para dar para os namorados. “A escolha pelas roupas se deve ao fato da grande variedade de produtos e preços disponíveis para escolha, o que garante a assertividade do presente”, afirma Marcelo de Souza e Silva, presidente da CDL. 

Os calçados (23,3%) e os perfumes e hidratantes (10,9%) também estão entre os itens mais procurados pelos consumidores. Em seguida, aparecem os relógios (7%) e os bombons (3,9%).

De acordo com a pesquisa, o belo-horizontino está disposto a desembolsar, em média, R$ 110,55 no presente do namorado. O valor é 20,01% menor do que o registrado no ano passado. Neste ano, 64,1% dos consumidores da capital pretendem adquirir presentes no Dia dos Namorados, índice 10,1% maior em relação a 2018.

Além dos presentes, 29,5% dos belo-horizontinos também querem celebrar a data com um jantar em restaurante. Algumas das demais opções de comemorações foram: lanchar fora (9,3%), motel (5,4%); cinema/teatro (3,9%); e almoço em casa (3,1%). O custo médio das comemorações deve ficar em R$ 87,50.

Leia mais:
Dispara o custo da cesta básica em BH; preço dos produtos quase dobrou em 10 anos
Inflação para famílias com renda mais baixa fica em 0,15% em maio