SÃO PAULO - A PSA, grupo que controla as marcas Peugeot e Citroën, trocou o Salão do Automóvel pela Fenatran, por uma questão lógica. A mostra dos caminhões é um ambiente de novos negócios, enquanto a exposição de carros é apenas institucional. E na Fenatran ela mostrou as versões renovadas de Jumper e Boxer, detalhou o bom desempenho dos furgões compactos Jumpy e Expert, que são vistas como sucessoras naturais da finada Kombi. Mas o grande barato da conferência dos franceses foi uma foto de uma picape tapada por uma capa com o emblema do leão.

 

Os executivos desconversaram sobre as especificações do carro, que era uma imagem aleatória. Mas fato é que existe grande possibilidade de a picape ter porte intermediário para concorrer no segmento dominado pela Fiat Toro. Segundo apurações do site Autos Segredos, o carro deverá ser feito sobre a plataforma EMP2, a mesma da Expert. Assim ela teria estrutura monobloco como a da picape italiana e da Duster Oroch. Ela poderia ser equipada com o motor diesel de 115 cv, que já equipa o furgão, e também com o polivalente THP 1.6 de 173 cv, que equipa 2008, 3008, 5008 e C4 Cactus. 

 

Por outro lado, não fica descartado a possibilidade de ser uma picape que recorre carroceria sobre chassi, como S10 e Hilux. Isso porque a marca desenvolve na China, junto com um parceiro um utilitário nessa configuração, que deve chegar por lá nos próximos dois anos.

 

Como será a picape ainda é um mistério, mas fato é que os franceses querem apagar a imagem de fragilidade do passado. E nada melhor que uma caçamba para provar isso.