Usuários do Twitter brasileiro mais alinhados com o governo conseguiram colocar três hashtags na lista das expressões mais publicadas da rede social nesta terça-feira (11). Entre o fim da manhã e o começo da tarde se revezam no topo do ranking as hashtags #OABporquenaotecalas e #EuToComMoro.

A crítica à Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) é resposta ao Conselho Federal da entidade que recomendou ao ministro da Justiça, Sergio Moro, e ao coordenador da Lava Jato em Curitiba, Deltan Dallagnol, que deixem seus respectivos cargos.

Outra campanha que beneficia o governo é a #PLNTalkey, que pressiona parlamentares pela liberação do crédito suplementar de R$ 248,9 bilhões solicitado pelo governo.