O Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP) informou nesta quinta-feira (25) que autorizou o envio de R$ 160 milhões do Fundo Nacional de Segurança Pública (FNSP) para combate à criminalidade em seis estados. Os recursos poderão ser usados para compra de equipamentos, viaturas e capacitação profissional. 

Os recursos estavam desbloqueados e aguardavam a aprovação dos planos de aplicação que os estados devem fazer para receber. Entre os critérios que devem ser observados estão a manutenção de um sistema de dados integrado ao Sistema Nacional de Informações de Segurança Pública (Sinesp), possuir plano de carreira para os servidores e garantir que somente 3% do efetivo atue fora de suas corporações. 
 

Justiça

Os recursos estavam desbloqueados e aguardavam a aprovação dos planos de aplicação

Com a liberação, serão repassados os seguintes valores para os seis estados: Rio Grande do Norte (R$ 26,3 milhões); Distrito Federal (R$ 25,3 milhões); Mato Grosso do Sul (R$ 43 milhões); Amazonas (R$ 26,7 milhões); Paraíba (R$ 20,5 milhões) e Goiás (R$ 21 milhões). 

O ministério também informou que trabalha em conjunto com os secretários de Segurança Pública na atualização dos critérios de rateio dos recursos do fundo. 

Os recursos contribuirão para aquisição de equipamentos modernos, novas tecnologias, viaturas mais seguras e capacitação profissional.

Leia mais:
Braga Netto passa mal durante férias em Alagoas
DF terá três novos hospitais de campanha, com 300 leitos de UTI