O presidente da República, Michel Temer, decidiu não passar a noite em Tóquio e embarcou as 22 horas (horário local) de volta ao Brasil. Interlocutores do presidente disseram que a mudança seria para economizar com hotel.

A previsão é que a aeronave presidencial faça uma parada - de cerca de 1h30 - para abastecer em Seattle e o desembarque no Brasil aconteça no fim da manhã de quinta-feira (20) ou no início da tarde.

Leia mais:
Desempenho de Temer é desaprovado por 51,4%, diz pesquisa CNT/MDA
Lindbergh diz que se Cunha fizer delação, Temer não se sustenta por um dia
Putin não teve encontro bilateral com Temer