A diretoria eleita da OAB/MG para o triênio 2016/2018 foi empossada ontem à noite, no Minascentro. Tomaram posse: Antônio Fabrício Gonçalves, presidente; Helena Delamonica, vice-presidente; Sérgio Leonardo, tesoureiro; Gustavo Chalfun, secretário-geral; Charles Vieira, secretário-geral adjunto; Adriano Cardoso, tesoureiro adjunto; e Fabrício Almeida, diretor institucional.
 
Também foram empossados 160 conselheiros da OAB mineira. Presidentes da OAB de 12 estados estiveram presentes. Dos 224 presidentes de subseções da OAB em Minas Gerais, 180 participaram da cerimônia.
 
A solenidade contou com a presença do presidente da OAB Federal, Cláudio Lamachia, e do vice-presidente, Luís Cláudio Chaves, eleitos para comandar o Conselho Federal no último domingo (31/1). Luís Cláudio presidiu a OAB mineira nas gestões 2010/2012 e 2013/2015.
 
O presidente Antônio Fabrício Gonçalves, de 46 anos, é natural de Brasília de Minas e foi eleito em novembro de 2015 com mais de 80% dos votos válidos. Antônio Fabrício é professor universitário, ex-presidente da Associação Brasileira de Advogados Trabalhistas (Abrat) e diretor tesoureiro da OAB/MG (gestões 2010/2012 e 2013/2015).
 
A defesa dos direitos dos advogados na defesa do cidadão, a interiorização da OAB, a manutenção do exame de Ordem e a luta pela ética e contra a corrupção são bandeiras da gestão.
A Ordem dos Advogados do Brasil é a maior entidade representativa do Brasil, com mais de 945 mil advogados inscritos. Em Minas Gerais, entre profissionais e estagiários, são 95 mil membros ativos.