O ex-prefeito de Pedra Azul, Ricardo Mendes Pinto, de 54 anos, foi preso nesta terça-feira (12), em Belo Horizonte. A informação é da Polícia Civil, que informou que cumpriu mandado de prisão contra o político.

Segundo a corporação, havia contra o parlamentar um mandado de prisão aberto desde 18 de dezembro de 2015. Ricardo Mendes foi condenado em um processo judicial em 2013, por desvio de dinheiro, em campanha eleitoral ocorrida em 2000.

A pena aplicada ao político foi de que ele deveria permanecer em casa aos sábados e domingos, entre 17h e 22h, além de pagamento de multa. Contudo, o político não estaria cumprindo a determinação judicial.

“Recebemos a informação de que ele estava em Belo Horizonte e começamos a monitorá-lo. Hoje pela manhã, a equipe foi até o bairro Luxemburgo, região Centro-Sul da capital, e realizou a prisão”, contou o chefe do Departamento Estadual de Operações Especiais (Deoesp), delegado Ramon Sandoli.

“Ele não resistiu e vai passar a noite aqui no departamento. Amanhã ele será encaminhado à Delegacia de Pedra Azul para ser apresentado à Justiça”, acrescentou.

À polícia, o ex-prefeito negou que tenha cometido o crime e disse que tudo não passou de mal-entendido. “Duas pessoas da cidade foram a um evento em que eu estava presente, em um final de semana à noite, após o horário de restrição e fizeram uma denúncia ao Ministério Público, como se eu estivesse descumprindo a minha pena. O juiz acatou a denúncia e expediu o meu mandado”, declarou.

A reportagem do Hoje em Dia não conseguiu contato com a defesa do parlamentar.