O Ministério da Justiça e Segurança Pública autorizou o emprego da Força Nacional de Segurança Pública em ações de enfrentamento aos crimes transnacionais no Paraná. A portaria foi publicada nesta quinta-feira (25) no Diário Oficial da União.

As ações devem acontecer em apoio ao Centro Integrado de Operações de Fronteira, em Foz do Iguaçu, em caráter episódico e planejado, por 180 dias, no período de 5 de abril a 1º de outubro de 2021. O prazo poderá ser prorrogado, se necessário, por solicitação do órgão apoiado.

Força Nacional

O objetivo é combater o crime organizado e o tráfico de drogas

O Centro Integrado de Operações de Fronteira foi inaugurado em dezembro 2019 em Foz do Iguaçu, uma das principais áreas de livre comércio de importação e exportação do país. O objetivo é combater o crime organizado e o tráfico de drogas, intensificar a integração entre os agentes de segurança pública e fortalecer o monitoramento nas fronteiras brasileiras. O órgão atua também com operações ostensivas e auxílio nas investigações.

Leia mais:
Justiça libera R$ 160 milhões para área de segurança de seis estados
DF terá três novos hospitais de campanha, com 300 leitos de UTI