Mesmo com a proximidade da Páscoa, comemorada no próximo dia 21, os ovos de chocolate continuam com os preços nas alturas em Belo Horizonte. Pesquisa do site Mercado Mineiro divulgada nessa segunda (1º) aponta variação de até 75% no Sonho de Valsa de 330 gramas, que pode ser encontrado por R$ 39,98 a R$ 69,99. 

Já o Batom Coelho de 60 gramas varia de R$ 8,98 a R$ 14,99, uma diferença de 67%, enquanto o Ovo Bis 318 gramas custa de R$ 39,98 até R$ 62,99, uma diferença de 57%. Uma das menores variações foi encontrada no Ovo Alpino de 350 gramas, cujo valor varia de R$ 43,98 a R$ 62,99 (43%).

O Mercado Mineiro avalia que os consumidores estão tendo mais dificuldades em comparar com os preços praticados em anos anteriores, principalmente porque a indústria tirou o números dos ovos e modificou pesos e modelos. No entanto, nos que ainda estão registrados no site, existem altas superiores à inflação, como é o caso do ovo Talento Castanha do Pará de 350 gramas, que custava em média R$ 46,23 em 2018 e subiu para R$ 50,17, uma alta de 8,52%, enquanto o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) fechou o ano passado em 3,75%. O ovo Garoto Crocante de 215 gramas tinha valor médio de R$ 34,61, preço que saltou para R$ 39,99 neste ano (15,54%). Da mesma forma, o ovo Alpino de 350g que custava R$45,23 subiu para R$ 58,29, um reajuste de 28,87%.

Muitos consumidores que nesta época do ano optam por outros produtos devem estar atentos também às diferenças de preços. A caixa de bombom Favoritos da Lacta, de 289 gramas, varia de R$ 7,99 a R$ 13,99, uma diferença de 75%. A de bombom Garoto de 300 gramas pode variar de R$6,99 até R$9,99 (43%). Da mesma forma, a barra de chocolate da Garoto de 100 gramas variou 94%, com preços de R$ 3,49 a R$ 6,79.

Antes de fechar a compra é necessário pesquisar preços para garantir uma economia. O site Mercado Mineiro vai continuar atualizando os preços dos ovos de Páscoa até na Semana Santa. Os interessados vão ter também a ajuda de outros consumidore no aplicativo comOferta, onde serão cadastradas fotos de centenas de ovos de Páscoa, chocolates, caixas de bombons, peixes e bacalhau para a Semana Santa. A pesquisa do site foi feita entre os dias 25 e 31 de março em 12 supermercados e lojas de departamento de Belo Horizonte.

Empresários apostam em promoções para desovar estoques

O empresariado belo-horizontino pretende investir em promoções na Páscoa na tentativa de ampliar o volume de vendas. Levantamento realizado pela área de Estudos Econômicos da Fecomércio de Minas mostra que 35,3% dos entrevistados pretendem realizar liquidações e 20% vão investir na divulgação dos produtos.

A pesquisa aponta também que 72,1% acreditam que as vendas deste ano serão melhores ou iguais em relação a 2018. A data é considerada uma das quatro melhores para o comércio no primeiro semestre, com impacto em empresas varejistas como padarias, laticínios, lojas de doces, balas e similares.

“Os empresários mantêm a confiança no aumento das vendas em datas comemorativas devido ao cenário econômico mais satisfatório”,explica Guilherme Almeida, economista da Federação.