O presidente norte-americano Donald Trump anunciou em suas redes sociais, na madrugada desta sexta-feira (2), que ele e a primeira-dama Melania testaram positivo para o novo coronavírus. 

O republicano, de 74 anos, foi diagnosticado com Covid-19 em meio à campanha pela reeleição, em que enfrenta o democrata Joe Biden. A eleição está marcada para 3 de novembro. 

"Esta noite, Melania e eu testamos positivo para Covid-19. Começaremos nosso processo de quarentena e recuperação imediatamente. Vamos superar isso juntos", escreveu Trump.

Já Melania, em seu perfil, disse se sentir bem e cancelou todos os próximos compromissos. "Como muitos americanos fizeram este ano, Donald Trump e eu estamos em quarentena em casa após teste positivo para covid-19. Estamos nos sentindo bem e adiei todos os próximos compromissos. Por favor, certifique-se de que você está ficando seguro e todos nós passaremos por isso juntos", afirmou.

Noticiários internacionais frisaram que, ao longo da pandemia, Trump minimizou o novo coronavírus e frequentemente aparece sem máscaras em eventos públicos. 

E a saúde do presidente norte-americano já tem reflexos em sua campanha. Hoje, por exemplo, ele deveria viajar para a Flórida, um dos estados cruciais para a disputa. A agenda foi cancelada. 

Leia também:
Colégio Militar de BH retoma aulas presenciais pela 2ª vez em menos de 15 dias após batalha judicial
PF estoura laboratório clandestino de cachaça e prende falsificador em flagrante com R$ 20 mil
Publicada MP que amplia margem para concessão de crédito consignado