O verde e amarelo tomou conta das ruas de Governador Valadares, no Leste do Estado, na manhã deste domingo (13). O grito contra a corrupção no Brasil e pelo impeachment da presidenta Dilma Roussef (PT) reuniu mulheres, crianças e idosos com faixas, cartazes e gritos de ordem, só interrompidos pelo Hino Nacional.

O Movimento “Vem pra Rua”, calcula a adesão de cerca de quatro mil pessoas ao protesto que começou por volta das 9 horas com concentração na Praça dos Pioneiros e terminou ao meio dia, depois que percorrer as principais ruas do centro e voltar ao ponto inicial. Frases como “Eia, eia, eia, Lula na cadeia” e “Fora Dilma, Fora PT” predominaram entre os jingles.

A passeata foi pacífica. “É um basta contra a corrupção, pelo impeachment da Dilma (Roussef) e a favor do juiz Sérgio Moro em suas ações na Operação Lava Jato”, explica a coordenadora do Movimento Vem Pra Rua, Patrícia Rocha. Segundo o tenente coronel Célio Menezes, “mais de duas mil pessoas” participaram do protesto que transcorreu sem, brigas ou prisões.

“Não podemos ficar de braços cruzados. Acordei cedo e mudei a programação do meu domingo para apoiar esse movimento a favor da minha família, dos brasileiros e do país. Não aguentamos mais tanta coisa errada nesse país”, disse a comerciante Lourdes Pedreira, de 46 anos que apitava sem parar. “A corrupção só vai acabar se o Brasil acordar”, analisa o aposentado Leoni Franz, de 69 anos.