Morreram as nove pessoas que viajavam em um helicóptero da Defesa Civil, que caiu na sexta-feira no centro do Japão - anunciaram as autoridades locais neste sábado (11).

"A morte dos nove ocupantes se confirmou  hoje (11) ao meio-dia de hoje (horário local) ", relatou um alto funcionário local à AFP.

A Polícia e o Exército lançaram as operações de socorro para encontrar os passageiros, após a queda do aparelho em um bosque de uma zona montanhosa da prefeitura de Gunma, ao noroeste de Tóquio.

A maioria das vítimas trabalhava para a Defesa Civil e para o Corpo de Bombeiros. Entre elas, também estavam o piloto e um mecânico.

O governo japonês enviou uma equipe de investigadores para o local do incidente.

O helicóptero, um Bell 412, decolou de sua base na sexta (10) pela manhã para um voo de observação de duas horas, mas nunca retornou e se perdeu contato com ele.