O ator Robert Downey Jr. voltará a vestir a armadura do Homem de ferro para a terceira parte da saga do Capitão América.

O multimilionário Tony Stark ("alter ego" do Homem de Ferro) terá um papel decisivo na trama. Baseado na saga de quadrinhos Guerra Civil, o enredo girará em torno do confronto entre os dois super-heróis por uma lei do governo dos Estados Unidos que obriga qualquer pessoa com poderes extraordinários a vir a público e trabalhar para as autoridades.

Stark apoia o programa, mas Steve Rogers ("alter ego" do Capitão América) discorda do programa por considerá-lo uma ameaça às liberdades civis.

Na trama, Rogers foge para evitar ser preso. A expectativa é de que a produção seja o começo de uma nova fase de filmes de super-heróis para o estúdio Marvel.
Downey Jr. estará novamente nos cinemas como Homem de Ferro em Os Vingadores: A Era de Ultron, com estreia para 2015, e mais uma vez na sequência Vingadores 3, como estipula o antigo contrato dele com a Marvel.

O ator recebeu US$ 50 milhões pela participação em Os Vingadores e poderia ganhar mais US$ 40 milhões, mais uma parte da arrecadação final do filme pela aparição em Capitão América 3.

Anthony e Joe Russo, diretores de Capitão América: O Soldado Invernal, estão mais uma vez por trás das câmeras de Capitão América 3, com a ajuda dos roteiristas Christopher Markus e Stephen McFeely.