O volume de grãos produzidos em Minas Gerais deve bater mais um recorde na safra 2020/2021. A produção pode alcançar 17 milhões de toneladas e crescimento de 10,5% na comparação com a safra anterior, principalmente pelo bom desempenho do milho e da soja.

Ao contrário de dezenas de outras atividades, o agronegócio no Estado cresceu na pandemia. O valor do PIB passou de R$ 115,6 bilhões, em 2019, para R$ 150,8 bilhões, em 2020, e a participação total do PIB estadual subiu de 18% para 22,6%.

As atividades que mais contribuíram para os resultados positivos foram agricultura (65%), pecuária (35% a 65%) e produção florestal (5% a 20%).

Mas a seca registrada no ano passado, que atingiu as regiões Sul e Sudoeste do Estado, castigou a produção de café e muitos produtores chegaram a perder 100% da lavoura.

A secretária de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Ana Maria Valentini, conversa com a repórter Maria Amélia Ávila sobre os desafios do setor em Minas Gerais, nesta quarta-feira (28), às 16h30. A live será transmitida pelo Instagram do Hoje em Dia.