Criminosos atacaram ao menos sete ônibus na Rodovia Raposo Tavares, na altura do quilômetro 15, zona oeste da capital paulista, na noite desta quarta-feira, (1º). Entre eles, um foi incendiado e outros seis, depredados.

Por volta das 22h30, um veículo intermunicipal, da Viação Osasco, foi abordado por cerca de 40 pessoas, que anunciaram o ataque, segundo informações da Polícia Militar Rodoviária. O grupo ordenou que o motorista, cobrador e cinco passageiros descessem do ônibus, antes de atear fogo.

Por causa do incêndio, a Raposo Tavares ficou completamente interditada por cerca de 30 minutos. O caso foi registrado no 14º Distrito Policial (Pinheiros).

Segundo a São Paulo Transporte (SPTrans), que opera os ônibus na capital, outros seis ônibus também foram atados. A companhia, no entanto, ainda não divulgou detalhes sobre as ocorrências.

O ataques aconteceram após um suspeito morrer durante um confronto com policiais no Jardim Jaqueline, na zona oeste. Ele teria sido encontrado em um carro roubado e trocado tiro com os agentes. Apesar de ter sido socorrido ao hospital, não resistiu aos ferimentos.