O Corpo de Bombeiros encontrou neste domingo (16) os corpos de dois irmãos que estavam desaparecidos em Camaragibe, região metropolitana de Recife, em função dos deslizamentos de terra ocorridos após a forte chuva registrada nesta semana. Com a identificação dos corpos, subiu para nove o número de mortes na região, provocadas pela chuva. 

De acordo com os bombeiros, Ítalo de Souza e Lucas da Silva estavam desaparecidos desde quinta-feira (13), quando um deslizamento de lama soterrou a casa onde moravam. Os alagamentos e quedas de árvores também provocaram a morte de um adolescente após a queda de uma barreira em Jaboatão dos Guararapes. Em Recife,  uma mulher foi encontrada morta dentro de um carro que afundou em um túnel inundado na capital.

De acordo com a Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac),  a previsão do tempo neste domingo para a região metropolitana é de céu parcialmente nublado, com pancadas de chuva ao longo do dia com intensidade moderada a forte. 

Um fenômeno conhecido como Perturbação Ondulatória dos Alísios foi o que provocou as chuvas intensas de ontem. Esse fenômeno significa uma agitação decorrente da movimentação dos ventos alísios, evento bastante comum na época chuvosa, caracterizado por fortes ventos, muita umidade e chuvas intensas.