Uma das histórias contadas pelo professor e músico Pedro Bandera, idealizador do Batanga & Cia, diz respeito à fraternidade Abakuá, em Havana. O grupo que usa um instrumento muito parecido com a cuíca brasileira teria origem em negros do sudeste na Nigéria e do sudoeste de Camarões. Até o início do século 19 apenas homens
poderiam participar dessa espécie de maçonaria afrocubana.

Uma história curiosa, conhecida na Ilha, os liga ao Buena Vista Social Club. O clube Buena Vista, que existiu em Havana, pertencia a integrantes dessa nomeação. Ele quiseram contratar o pianista Ruben Gonzales, do grupo Buena Vista, para compor um tema. Ruben disse não, e eles dobraram o cachê. O pianista compôs então, sem muita vontade, o danzón que entrou para o álbum do Buena Vista e se tornou conhecido em todo o mundo.