O dia dos sonhos planejado nos mínimos detalhes há mais de um ano terminou em frustação e tristeza em Betim, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. O casal Ana Luiza e Diego precisou adiar o casamento, marcado para às 16h desta sábado (26), por causa do protesto de caminhoneiros que se estende por seis dias e bloqueia rodovias em todo país.

"Foi uma expectativa muito grande e no final veio a frustração. Nós ficamos tristes, mas já que aconteceu, que seja para melhorar as coisas para todos nós nesse país", tenta amenizar o noivo, Diego Benjamim Nogueira.

O casamento e a festa para 250 convidados, planejados com carinho, teve um investimento de R$ 100 mil e aconteceria numa casa de eventos do bairro Vianópolis. O sinal de alerta acendeu durante a semana e eles ainda tinham esperança de que tudo se resolveria, mas no final da tarde eles chegaram à conclusão de que o melhor seria o adiamento. "Nós tentamos novas rotas para fornecedores e convidados, tentamos de tudo", diz o engenheiro civil. 

Fornecedores

A banda, a comida, a bebida e os convidados eram dúvida. Não tinham certeza do que conseguiria chegar a tempo. "Se não fosse possível sair do jeito que planejamos, melhor que não acontecesse", enfatiza o noivo.

Eles, então, fizeram um comunicado e, com a ajuda de familiares, espalharam a notícia para o maior número de convidados possível. "Mesmo assim ficamos com medo de alguém aparecer".

Enquanto isso, o cerimonial negociava com os fornecedores, que segundo o noivo, foram bem compreensivos. Um acordo foi feito para minimizar os prejuízos, que chegaram a R$ 20 mil. " A decoração e a mobília da festa foram entregues e tivemos que assumir o prejuízo. Vamos ter que contratar tudo de novo daqui a dois meses".

A viagem de lua de mel para Cancún não teve como ser desmarcada. Com passagens e hospedagem pagas não deu para mudar a data. "Mesmo assim tivemos que adiantar o embarque e tudo saiu R$ 5 mil mais caro". 

O casal embarcou ao meio dia deste sábado (26) para o México. "Eu marquei as minhas férias para casar e viajar, agora com a nova data, vou me caso num sábado e volto a trabalhar numa segunda", conta a noiva Ana Luiza.

A farmacêutica conta que o vestido e os arranjos já estavam na casa dela. "Eu me senti fragilizada, triste, mas não tinha o que fazer. Agora é esperar e buscar o mesmo vestido", completa Ana.

A nova data já foi remarcada. Diego e Ana Luiza sobem al altar no dia 28 de julho. Apaixonado Diego conta que conheceu a noiva numa festa de Carnaval em uma casa de shows de Betim e foi amor a primeira vista. "Naquele dia eu ja sabia que ela seria a minha namorada". E que venha julho, com o desejo de que nada atrapalhe o famoso "sim" que eles aguardam há quase seis anos.

Confira o comunicado transmitido pelo WhatsApp aos convidados:

"Queridos familiares, amigos e amigas, 

Anunciamos que o nosso casamento será adiado para dia 28 de julho de 2018. Essa medida emergencial foi necessária em virtude da greve que acontece no presente momento no nosso país, que afetou diretamente boa parte dos parceiros e fornecedores envolvidos no nosso evento.             Contamos com a compreensão de todos vocês e pedimos desculpas pelo contratempo. Reforçamos que no dia 28, no mesmo local e horário nos encontramos para podermos compartilhar juntos desse momento tão importante para nós: o nosso casamento!!! Com carinho, Ana & Diego"

Leia mais:
Força Nacional marca presença nas rodovias mineiras
Vans escolares param nesta segunda na Grande BH
Prefeitura de BH discutirá nesta segunda a possibilidade de decretar calamidade pública
Motoristas tentam garantir os últimos litros de combustível em BH