SOS Mata Atlântica quer resgatar mata da Cantareira

Estadão Conteúdo
11/11/2014 às 08:15.
Atualizado em 18/11/2021 às 04:58

A Fundação SOS Mata Atlântica lançou nesta segunda-feira (10), um edital para projetos de restauração florestal da Mata Atlântica na área do Sistema Cantareira. A ideia é investir R$ 2 milhões em propostas que colaborem para conservar e proteger os recursos hídricos em até 12 municípios da região. O edital prevê a doação de até 1 milhão de mudas nativas do bioma e tem prazo de inscrição até 15 de janeiro.

"O objetivo é propor um modelo para outros projetos de restauração que possam ajudar a recuperar o Sistema Cantareira, pressionado pela crise hídrica", disse o coordenador de restauração florestal da organização, Rafael Fernandes. Segundo ele, poderão inscrever-se pessoas físicas ou jurídicas, proprietários de terras e organizações ambientalistas.

"Calculamos que as mudas poderão ser suficientes para cobrir até 400 hectares de matas, dependendo da metodologia que for usada para cada projeto", disse. Segundo ele, o foco é o plantio em Áreas de Preservação Permanente e de Reserva Legal - partes de propriedades rurais cobertas por vegetação natural que podem ser exploradas com o manejo florestal sustentável, de acordo com a legislação.

Segundo Fernandes, serão aceitos projetos para áreas entre 15 e 30 hectares. "Vamos analisar os projetos e avaliar os locais quanto à relevância de recursos hídricos, fauna e flora, além da proximidade dos reservatórios", disse. De acordo com ele, as áreas contempladas serão monitoradas anualmente, por três anos, para avaliação de indicadores ecológicos.

Financiamento

O edital faz parte do programa Clickarvore, que promove restauração florestal desde 2010, com financiamento do Bradesco Cartões e Bradesco Seguros.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.
http://www.estadao.com.br

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por