Enquanto a indústria tem avançado em motores turbo, mais eficientes para seus utilitários-esportivos (SUV’s), a Ford vem rebolando para manter o EcoSport no radar dos consumidores. No entanto, os sete anos de idade do modelo já demonstram cansaço. E sem grandes novidades para oferecer, a montadora acaba de apresentar o EcoSport FreeStyle 2020, que parte de R$ 87.290. 

Pode soar como déjà-vu. E é. A norte-americana lança pela segunda vez a versão como linha 2020. Em fevereiro, a Ford tinha antecipado a linha do próximo ano, com destaque para a versão Titanium, sem o estepe na tampa traseira. Agora, meio que à prestação, ela faz festa para a versão mais simples e possivelmente deverá dar sequência a uma sucessão de estreias de versões.

O grande barato do EcoSport FreeStyle 2020 (e meio) é a pintura em dois tons (com teto em preto). A marca resolveu aderir ao modismo que chegou ao Brasil há cerca de três anos com o Jeep Compass e foi derramando nos demais utilitários, como Captur, Vitara e até mesmo no aventureiro Tiggo 2.

Entre os conteúdos, a versão se destaca por oferecer direção elétrica, ar-condicionado, multimídia SYNC 2.0 (com tela de sete polegadas), controle de estabilidade e tração e assistente de partida em rampa.

E o turbo?
Com um leque de modelos que utilizam motores turbo de baixo deslocamento, o consumidor pode até questionar porque a Ford não aplica de uma vez por todas a unidade EcoBoost 1.0, que teve uma passagem tímida por aqui, equipando o finado Fiesta. Mas fato é que a Ford tem apostado fichas no motor Dragon 1.5 de três cilindros, que entrega impressionantes 137 cv, mas com torque modesto de 16 mkgf.

Na versão FreeStyle, o propulsor pode vir combinado com caixa manual ou automática de seis velocidades, que eleva o preço do cheque para R$ 93.290.

Ka FreeStyle
Para não dizer que a montadora em Camaçari não trouxe novidades, a Ford também apresentou a versão FreeStyle para o Ka, que também esbanja o teto em tonalidade preta, contrastando com o restante da carroceria. A versão é combinada com o motor 1.0 de 85 cv e torque de 10,5 mkgf. Com estilo aventureiro, ele segue o mesmo padrão visual da versão com motor 1.5. 

Com preço sugerido de R$ 56.690, sua cesta de conteúdos contempla direção elétrica, ar-condicionado, multimídia SYNC 2.5, controles de estabilidade e tração, além de rodas de liga leve e faróis de neblina. 

Resta saber se com sol a pino, o teto preto retendo calor é uma ideia inteligente!